Nadadora é agredida por seu próprio pai no Mundial

Ucraniana apanha por não ter se classificado para as semifinais dos 100m costas. Por determinação da polícia local, Mikhail Zubkov terá que respeitar o limite de 200m de distância da filha. Fonte Globo Esporte

ID Brain:
Hauhauhhu, os Mamonas realmente era a frente do seu tempo.

Ego Brain:
É um absurdo, esse tipo de reação é inadmissível

Superego Brain:
Putz, ela não se classificou? Merecia pelo menos uns petelecos na orelha

Comentário em “Nadadora é agredida por seu próprio pai no Mundial”


Fratres Brains Omnia vincit.

Outras Tirinhas